fbpx

Compartilhe
Pin It

É verdade que o casamento é, muitas vezes, marcado por dificuldades. Ainda assim, todos nós conhecemos pelo menos um casal com 30, 40, 50 anos de casados e que parecem viver com leveza, ternura e alegria o seu relacionamento.

casais221120Diálogo, perdão e encorajamento mútuo são alguns dos conselhos dados por casais que têm um casamento duradouro.| Foto: Bigstock

A jornalista Cassandra Soars, do site iMom, conheceu um desses casais em uma palestra. Era um casal holandês com mais de 30 anos de casamento. Cassandra e seu marido passavam por dificuldades no relacionamento conjugal deles e o casal mais experiente se dedicou a ajudá-los com alguns conselhos.

Ao ouvir as recomendações, Cassandra resolveu compartilhar sobre isso em um artigo, e aqui vão alguns desses segredos de um casamento de sucesso:

  1. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges falam bem um do outro. Eles não falam negativamente de seu parceiro para ninguém. Em vez de viverem se criticando, eles apoiam e encorajam um ao outro.

  2. Em casamentos bem-sucedidos, quem erra pede perdão o mais rápido possível. Nada de ficar curtindo o clima de guerra. Mesmo se está apenas 1% errado, mesmo que o outro também esteja errado ou esteja mais errado ainda, um cônjuge consciente sempre dá o primeiro passo e admite suas falhas.

  3. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges crescem e experimentam coisas novas juntos. Bons cônjuges são bons amigos. São a companhia preferida um do outro. É claro que cada um terá alguns campos de interesse que não apetecem ao outro, mas é possível encontrar atividades conjuntas e desenvolver hobbies lado a lado.

  4. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges cuidam de si. Ambos são proativos na forma como lidam com a sua bagagem emocional, com suas experiências negativas e com tudo aquilo que impede cada um de ser uma pessoa emocional, física e mentalmente saudável. Um cônjuge que prioriza a qualidade da convivência com o outro não se deixa arrastar por esses problemas, não os varre para baixo do tapete nem permite que se tornem bolas de neve, mas os enfrenta e busca soluções para melhorar.

  5. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges buscam ver as coisas a partir do ponto de vista do outro. Os esposos não são defensivos: eles praticam a empatia. Eles sabem muito bem que não são rivais. Quando um não entende o ponto de vista do outro, não o julga: em vez disso, sentam e conversam, sem pressa e sem competição, em espírito de abertura e compreensão. E mostram ativamente um ao outro que procuram olhar o ponto de vista do outro.

  6. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges se comprometem para sempre. Eles nunca ameaçam deixar o outro, porque não consideram que essa seja uma opção. Abrir a porta para o divórcio mentalmente tem um impacto negativo imediato para o casamento. Isso enfraquece a decisão de estar juntos e os passos concretos para tornar a convivência saudável. O amor é um ato da vontade – a decisão é essencial.

  7. Em casamentos bem-sucedidos, os cônjuges fazem um do outro a sua prioridade. Ainda que não abram a porta para o divórcio, eles não dão o outro por garantido. Os esposos nunca param de namorar. Para isso, é preciso empenhar-se conscientemente, esforçar-se, planejar coisas juntos – os resultados são garantidos e fazem a diferença. Casais que vivem assim nunca se sentem sós.

 

 

 

 

 

FONTE: https://www.semprefamilia.com.br/casamento-e-compromisso/segredos-do-casamento-7-habitos-de-casais-que-se-dao-bem/

Comments fornecido por CComment

DO SEU INTERESSE

Curiosidades

INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Recente no Site

Mariana Fonseca Governo estadual também anunciou que Fase de Transição segue e detalhou apoio a...
DW.COM Kathlen Romeu, de 24 anos, foi baleada durante um tiroteio entre policiais e criminosos na...
Correio24Horas É o segundo ano consecutivo que a festa não pode acontecer Aglomeração e São João...

Notícias Nacionais

Parceiros & Apoiadores

Notícias Gastronomia

Letícia Taets - Revista Seleções O mês de junho chegou e com ele os festejos juninos! Preparando tudo para fazer a sua festa em casa, não pode faltar a tradicional paçoca de amendoim. Mas já...

Redação casa.com.br Com o Dia dos Namorados se aproximando, é uma boa hora para ir treinando as habilidades culinárias para preparar um prato cheio de amor e corações para aquele alguém...

Maria Fernanda Ziegler, da Agência Fapesp Quando se trata de ganhar massa e força muscular, é mais importante atentar para a quantidade de proteína ingerida do que para a origem do nutriente....

Guia da Cozinha Em mês de Festa Junina e dias frios, nada melhor do que um caldo verde para se aquecer e entrar no clima de São João. Esse prato tradicional é tão versátil quanto delicioso, por...

RELIGIÃO

Fernando Rossit O fenômeno se traduz por uma estranha impressão de já ter vivenciado a cena presente e mesmo saber o que se vai passar em seguida, ainda que a situação que esteja a ser vivida seja inédita. Conhecido como déjà vu, ou paramnesia...

Helio & Deise Peixoto “…não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas.” 2 Coríntios 4:18 {loadposition apoiador-estilo-vida} Mesmo sendo...

Frei Luiz Iakovacz Nas celebrações dominicais, leem-se três leituras bíblicas, das quais a primeira é sempre extraída do AT. No Tempo Pascal, porém, tanto nos dias de semana como nos domingos, proclama-se Atos dos Apóstolos. Com isso, a Igreja...

ESTILO DE VIDA

Divulgação

Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account