fbpx

Compartilhe
Pin It
Bruna Calvo Totaro

Banco Central promove campanha de segurança contra as fraudes e você, empreendedor, também precisa se atentar.

O Banco Central (BC) está promovendo uma campanha de segurança contra golpes envolvendo o Pix. O meio de pagamento instantâneo e gratuito já foi adotado por grande parte dos brasileiros e segue oferecendo benefícios para as pequenas e médias empresas. Mas, apesar de toda a segurança envolvida, há quem utilize o Pix para tentar aplicar golpes.

E como a segurança digital é importante para os seus clientes, mas também para você, empreendedor, separamos as principais dicas para você se proteger.

Conheça os golpes mais comuns e veja como evitá-los

golpespix080621

Invasão de conta

Acontece ao responder uma mensagem suspeita por SMS e WhatsApp, por exemplo, ou acessando uma página falsa na internet. É dessa forma que o golpista pode roubar seus dados de acesso e utilizar sua conta para desviar dinheiro por meio do Pix.

Central de atendimento falsa

Falar com uma central de atendimento falsa para assuntos de segurança, cadastramento ou problema relacionado ao Pix é mais uma forma de fragilizar os dados e permitir que golpistas consigam acesso ao seu celular, tablet ou computador.

Clonagem de WhatsApp

Os golpistas invadem o WhatsApp de um amigo, parente ou fornecedor da sua agenda e enviam mensagens para você transferir dinheiro por Pix. O pedido costuma vir acompanhado de uma história pessoal ou alerta de urgência no empréstimo.

Venda falsa

Aqui é quando o golpista anuncia uma venda mentirosa em alguma rede social, site de anúncio ou e-commerce. Depois de negociar, a vítima faz o pagamento por Pix, mas acaba não recebendo o produto. Esse alerta vale para os seus clientes, mas também para você se atentar ao comprar matéria-prima para os seus produtos.

Conforme alerta a campanha do BC, que vai até o dia 30 de abril, o Pix é novo, mas os golpes são antigos. Qualquer pessoa pode passar por essa situação e é por isso que as boas práticas do Pix e as dicas de segurança valem para todos. Para mais informações, acesse: https://www.bcb.gov.br/estabilidadefinanceira/pix

 

 

 

 

FONTE: https://www.btgmaisbusiness.com/pmeinsights/saiba-como-se-proteger-de-golpes-envolvendo-o-pix/?utm_source=taboola&utm_medium=cpc&utm_content=native_ads&utm_term=pix&utm_campaign=brand_trafego_taboola_native_ads_cpc_portal_maio_21_pix&tblci=GiD4V4ExevVabSN1xZQT-AgyLAprqjlDiFdd5jRratcFfyDHq1QoufaijIXumZxp#tblciGiD4V4ExevVabSN1xZQT-AgyLAprqjlDiFdd5jRratcFfyDHq1QoufaijIXumZxp

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It
Canal Rural

Três analistas consultados pelo Canal Rural relembram fatores determinantes para a alta da proteína e dão um panorama da situação atual

carnebovina030621Foto: Reprodução

O consumidor brasileiro sentiu no prato e no bolso o aumento no preço da carne bovina. De acordo com a Scot Consultoria, os cortes do dianteiro estiveram 54% mais caros em maio deste ano do que no mesmo período do ano passado. No caso dos cortes traseiros, a valorização foi de 42,2% no mesmo período.

Diante disso, é normal que a população esteja se questionando como é que a proteína foi subir tanto. Bom, para entender esse movimento, é necessário olhar para toda a cadeia produtiva, e em um espaço de tempo um pouco maior. Isso é necessário porque, como lembram os três especialistas ouvidos para esta reportagem, a bovinocultura de corte é uma atividade de ciclo longo.

O pecuarista brasileiro amargou um cenário de preços baixos entre 2015 e 2017, segundo o analista Rodrigo Queiroz, da Scot. Nesse período, engordar o boi ficou pouco interessante, e a alternativa lógica era diminuir a produção. Assim, até o primeiro semestre de 2018, houve um movimento de abate de fêmeas bastante forte.

Com as matrizes indo para o gancho, a oferta de bezerro, garrote e boi magro diminuiu gradativamente, dando início ao ciclo de alta dos animais de reposição. Como eles representam cerca de 60% dos custos do pecuarista, a arroba do boi gordo começou a ter os primeiros sinais de alta, acompanhando os gastos, a princípio.

Também em meados de 2018, o mundo assistiu a peste suína africana atingir o leste da Europa e a maior parte da Ásia, dizimando o rebanho de porcos da China. À época, com quase 1,4 bilhão de pessoas para serem alimentadas, a gigante asiática ampliou rapidamente o volume de compra não apenas de carne de suínas, mas também de outras proteínas animais. Assim, além de uma oferta cada vez mais restrita, a demanda internacional começou a se aquecer.

Em 2018, o Brasil havia exportado 1,35 milhão de toneladas de carne bovina. No ano seguinte, os embarques cresceram 14%, para 1,57 milhão de toneladas. Já em 2020, a exportação bateu recorde, com 1,72 milhão de toneladas, acréscimo de 9%.

A favor do mercado externo, o dólar subiu nos últimos anos. A moeda norte-americana saiu de aproximadamente R$ 3,90 no fim de 2018 para quase R$ 5,20 em dezembro do ano passado. Isso tornou a proteína brasileira extremamente barata para quem paga em dólar.

“Qualquer valor de câmbio acima de R$ 5 torna a carne bovina muito competitiva. O Brasil tem a segunda carne bovina mais barata do mundo, atrás apenas da Argentina. O boi gordo brasileiro custa US$ 58, o da Austrália, US$ 90 e o dos Estados Unidos, US$ 67”, afirma o analista Fernando Iglesias, da Safras & Mercado.

Alta do boi e do bezerro

De acordo com a Safras & Mercado, a média da arroba do boi gordo em maio foi de R$ 317,43, em São Paulo. Em relação a maio de 2018, antes do “boom” da peste suína africana na China, a alta é de 120%. À época, a média foi de R$ 143,71.

Mas isso não significa, necessariamente, que o pecuarista que recria e engorda está ganhando mais. Em maio deste ano, o bezerro teve média de R$ 3.120 por cabeça, no Centro-Sul, aponta a consultoria. No mesmo período de 2018, as cotações estavam em R$ 1.253. Ou seja, nesse período, a reposição ficou quase 150% mais cara.

A pecuária vive de ciclos, e com a valorização dos animais de reposição e do boi gordo, os produtores começaram a segurar matrizes. No curto prazo, isso significa menos animais indo para o gancho, o que contribui para sustentação dos preços. Porém, no médio prazo, representa um aumento de oferta.

Aos poucos, o mercado de reposição dá sinais disso. O primeiro deles é que a média do bezerro em maio ficou abaixo do nível de abril, quando estava em R$ 3.180. Claro, ainda está longe de uma queda brusca, e os analistas também não esperam que ela aconteça tão logo. O motivo? Não se pode acelerar o ciclo da vida. Assim como os humanos, a gestação dos bovinos leva cerca de nove meses.

“O plantel está em fase de recomposição, mas vamos ver isso [o aumento de oferta] apenas no ano que vem. Não acontece de maneira imediata. E com a redução dos últimos anos, o ritmo de nascimento não está acompanhando a demanda por reposição”, afirma Iglesias.

Com a baixa oferta de animais, o mercado da carne bovina vem sendo pressionado para cima. Porém, a diretora da Agrifatto, Lygia Pimentel, afirma que o consumidor precisa entender que a alta do bezerro e do boi gordo não foi transferida diretamente para a gôndola.

“O custo subiu ainda mais do que o boi gordo. A cadeia está toda esticada e há uma dificuldade de repasse. O escoamento está muito ruim”, afirma Lygia. Segundo ela, enquanto os custos de produção da pecuária subiram 70% no último ano, o boi gordo subiu 50%, a carne no atacado avançou 48% e a proteína que chega ao varejo teve alta de 35%.

Nesse custo mencionado pela diretora da Agrifatto, entram também os grãos usados na ração animal. O crescimento do confinamento no Brasil depende de milho, farelo de soja e outros produtos que ofereçam uma boa nutrição aos animais. Além disso, houve também altas nos combustíveis, na energia elétrica e nas embalagens.

Dados do varejo coletados pela Scot Consultoria mostram que, entre as carnes do dianteiro bovino, que costumam ser mais baratas, o peito subiu de R$ 20,50 em maio do ano passado até R$ 32,54 no fechamento do mês passado. A paleta passou de R$ 26,54 para R$ 36,16 no mesmo período. O acém subiu de R$ 23,46 para R$ 33,52 em um ano.

Afinal, a carne bovina vai continuar subindo?

Direta ou indiretamente, a China ficou com 60% da carne bovina exportada pelo Brasil em 2020. O apetite chinês foi tanto que levou o que os analistas chamam de share da carne bovina, a divisão do que fica no país e o que é exportado, para níveis recordes. O enfraquecimento da economia, fragilizada pela pandemia da Covid-19, também aumentou a dependência do mercado externo.

Sim, os produtos subiram também porque a indústria local precisou competir por matéria-prima com a demanda internacional. De novo: pagando em dólar, e por isso tendo no Brasil uma das arrobas mais baratas do mundo.

Dessa forma, é o mercado externo quem deve ditar a tendência do boi gordo e, consequentemente, da carne bovina. Iglesias lembra que o governo da China fala em um verdadeiro milagre na recomposição do plantel de suínos. O nível de matrizes está quase no nível observado antes da peste suína africana.

“Além disso, a produção quase feudal, familiar, passa a ter um controle maior do governo e um grau de excelência maior, incorrendo em menor risco sanitário”, diz o analista da Safras & Mercado. Porém, a produção de suínos só deve se normalizar em 2022. “A China deve continuar comprando muito agressivamente em 2021 e ir reduzindo, sistematicamente, em 2022, até por questão de autossuficiência”.

Se a demanda da principal importadora da carne bovina brasileira diminuir, analistas não acreditam que exista outro mercado capaz de absorver e remunerar tão bem quanto os chineses. Dessa forma, sobraria mais proteína no mercado. A questão é: o consumidor local tem condição de absorver os produtos nos patamares atuais?

Por alguns meses, as parcelas de R$ 600 do auxílio emergencial ajudaram parte da população a conseguir carne bovina. Mas, conforme o valor foi diminuindo (sendo até extinto por um curto período), o poder de compra diminuiu.

Agora, para os especialistas, a retomada econômica é o único caminho possível para melhorar a renda das famílias. “A única maneira de dobrar essa situação é criar empregos e melhorar o poder de compra”, afirma Lygia Pimentel.

Ela e Iglesias destacam o papel fundamental da vacinação contra a Covid-19 para que isso transcorra da melhor forma. “Porque a vacina permitirá a retomada da economia sem risco de colapso no sistema de saúde, impedindo que continuemos neste abre e fecha eternamente”, diz o analista da Safras.

Caso a imunização não consiga avançar e o país seja atingido por uma nova onda, levando a novas medidas de restrição, mais pessoas podem ser empurradas para a linha da pobreza, ficando sem acesso à carne bovina.

No cenário positivo, se a economia conseguir avançar, o mercado interno tende a absorver uma parcela do que a China comprava. Outra alternativa que pode ser adotada para impedir que a arroba do boi gordo despenque é uma redução no rebanho do país.

Para o analista da Scot Consultoria, Rodrigo Queiroz, a tendência para a carne bovina ainda é de alta até meados de 2022. A partir de 2023, deve começar a cair gradualmente.

 

 

 

 

FONTE: https://www.canalrural.com.br/noticias/pecuaria/boi/preco-da-carne-tendencia/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It

A seguradora, HDI Seguros, abriu as inscrições para vagas de estágio nas regiões de São Paulo, Blumenau (SC), Itajaí (SC) e Caxias do Sul (RS). As oportunidades são para estudantes do ensino superior com previsão de formatura em 2023. As inscrições ficam abertas até 31 de maio de 2021.

hdiseguros250521

Vagas de estágio no Sul e em São Paulo são abertas na Seguradora HDI (Imagem: Reprodução Luca Panhota)

Programa de estágio

A HDI Seguros abriu as inscrições do seu programa de estágio 2021 para trabalhar nas unidades em: Morumbi e Ibirapuera- São Paulo, Blumenau e Itajaí- Santa Catarina e Caxias do Sul- Rio Grande do Sul.

São diversas vagas disponíveis nas áreas de: Planejamento Financeiro, Áreas de Produto Automóvel, Sinistros, Jurídico, Danos Corporais, Assessoria Comercial e Analytics.

Além da oportunidade de trabalho, à seguradora oferece serviços práticos e teóricos voltados para o crescimento e desenvolvimento profissional do jovem.

As inscrições ficam abertas até 31 de maio de 2021 e são feitas no site do Estágio HDI Seguros.

Quem pode participar?

Confira os requisitos necessários para participar do programa:

  • Estudantes do ensino superior no período noturno;
  • Previsão de formatura: julho de 2023 até dezembro 2023;
  • Cursando algum dos cursos: Administração de Empresas, Direito, Engenharia de Produção, Comunicação, Ciências da Computação, Ciências Atuariais, Ciências Contábeis, Estatística, Matemática, Economia, Análise de sistemas ou áreas correlatas.

Conforme solicitado pela empresa, o perfil que eles buscam nos seus candidatos é:

“Jovem que gosta de aprender, é curioso e proativo, se comunica bem, valoriza relacionamentos interpessoais e trabalho em equipe, tem um olhar aberto para o novo e não tem medo de fazer as coisas de um modo diferente, é responsável e faz questão de deixar uma boa impressão em seu trabalho, gosta de desafios e tem iniciativa para resolver problemas.”

Benefícios

Confira os benefícios pagos pela empresa:

  • Assistência médica;
  • Gympass;
  • Vale-refeição;
  • Vale-transporte;
  • Fretado (para região de SP);
  • Folga no aniversário;
  • Desconto nos produtos HDI;
  • Descanso remunerado;
  • Seguro de vida;
  • Programa de desenvolvimento HDI Educa, que tem como foco desenvolver competências comportamentais e técnicas;
  • Programa de qualidade de vida “Fique Bem”;
  • Opção de trabalho remoto.

Além do mais, o ambiente conta com uma infraestrutura moderna e digital. A empresa favorece à diversidade e igualdade, oferecendo liberdade e dress code aos seus funcionários.

 

 

 

 

FONTE: https://fdr.com.br/2021/05/24/vagas-de-estagio-no-sul-e-em-sao-paulo-sao-abertas-na-seguradora-hdi/#google_vignette

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It

A partir de hoje, 24 de maio, o Carrefour inicia as inscrições para o processo seletivo de vagas de emprego para contratação de pessoas com deficiência. As vagas são para candidatos do Brasil inteiro com horários alternados de acordo com o cargo. As inscrições encerram no dia 28 de maio de 2021.

vagas carrefour250521

Carrefour oferta vagas de emprego para contratação de pessoas com deficiência (Imagem: Reprodução Administradores.com)

Oportunidades no Carrefour

As programações conhecidas como Semana ou Dia D são ações especiais que oferecem oportunidades de emprego para um tipo de grupo específico. Ela acontece há anos, anualmente, e é realizada por diversas empresas e setores diferentes.

Nessa semana a partir de hoje, 24, até o 28 de maio é a Semana D da empresa Carrefour. O evento oferece oportunidades de emprego exclusivo para pessoas com deficiência.

Conforme disse o Kaleb Machado, gerente de Diversidade e Inclusão do Grupo Carrefour Brasil:

“Valorizar a diversidade e a inclusão faz parte do DNA do Carrefour e é uma questão estratégica para nós, em âmbito global. Para isso, promovemos a inserção profissional de grupos minorizados, já que entendemos que o trabalho é um dos principais fatores de inclusão social.Temos percebido consideráveis avanços na inserção profissional de pessoas com deficiência, mas é fato que elas ainda enfrentam grande dificuldade para se inserir no mercado de trabalho”.

O processo seletivo será 100% on-line, exceto à entrevista final com o gestor, que será presencial, o que já é uma oportunidade para o candidato conhecer seu ambiente de trabalho.

As vagas são para candidatos do país inteiro. Os interessados podem realizar sua inscrição no site da 99.Jobs.

No ato da inscrição é desejável que o candidato reserve, em média, 13 minutos, pois, eles terão que: preencher o perfil, responder algumas perguntas adicionais e realizar um teste.

Requisitos e benefícios das vagas de emprego

Para participar os candidatos precisam apresentar algum tipo de deficiência, comprovada por laudo médico.

Além disso, um dos requisitos gerais que a empresa busca em seus funcionários, são: “pessoas que agem com simplicidade, servem os clientes com paixão, e estão em busca de sucesso e crescimento profissional.”

Os benefícios pagos aos funcionários são:

  • Seguro de vida;
  • Previdência Privada;
  • Assistência Odontológica;
  • Assistência Médica;
  • Academia e Práticas Esportivas;
  • Refeição no Local;
  • Cartão Carrefour;
  • PLR.

 

 

 

 

FONTE: https://fdr.com.br/2021/05/24/carrefour-oferta-vagas-de-emprego-para-contratacao-de-pessoas-com-deficiencia/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It
Metro World News

As oportunidades são para os mais diferentes níveis, desde jovem aprendiz a gerente

O banco Itaú está com 499 vagas de emprego abertas em todo o país. Os cargos são para atuar nas agências, tecnologia, atendimento ao cliente e negócios.

 trabalho250521

As oportunidades são para os mais diferentes níveis – jovem aprendiz, estagiário, assistente, júnior, sênior, gerente, além de vagas para pessoas com deficiência.

Confira algumas das vagas:

  • Analista Sênior de Change Management | Mudanças organizacionais;
  • Assessor de Escritório de Investimentos;
  • Especialista em Renda Variável;
  • Especialista de Escritório de Investimentos;
  • Consultor de Seguros;
  • Engenharia de Software – BackEnd;
  • Engenharia de Software l Mobile;
  • Jovem Aprendiz;
  • Analista de Planejamento Junior | Modelos de Incentivos ;
  • Consultor de Seguros Personnalité – Digital;

  • Engenharia Tecnologia da Informação;
  • Consultor de Seguros Digital;
  • Líder de Escritório de Investimentos;
  • Assessor de Escritório de Investimentos;
  • Especialista de Escritório de Investimentos;
  • Gerente de Relacionamento Digital;
  • Gerente de Relacionamento Uniclass;
  • Especialista em Renda Variável;
  • Especialista de Câmbio e Trade Finance;
  • Gerente de Negócios Empresas;
  • Especialista de Câmbio e Trade Finance;
  • Cientista de Dados;
  • Estágio Corporativo;
  • Executivo de Vendas;
  • Analista de Inteligência de Mercado Sênior;
  • UX/UI Pleno;
  • Consultor de Seguros Volante;
  • Consultor Comercial Corretora de seguros;
  • Gerente de Conquista – Hunter de Empresas;
  • Analista Jurídico;
  • Analista de Pessoas;
  • Analista de Auditoria;
  • Analista de Marketing;
  • Analista de Riscos e Finanças;
  • Analista de Políticas de Cobrança Sênio;
  • Analista de Gestão de Portfólio de Cartões;
  • Analista de Gestão de Portfólio de Cartões Sênior;
  • Team Lead;
  • Especialista Escritório de Investimentos;
  • Analista de Tecnologia (TI);
  • Mulheres na Tecnologia – Engenharia de Software;
  • Engenharia de software Backend.

Entre os benefícios oferecidos estão:

  • Vale-Transporte;
  • Vale-Refeição;
  • Vale-Alimentação;
  • Seguro de Vida;
  • Previdência Privada;
  • Desconto em Produtos;
  • Assistência Odontológica;
  • Assistência Médica;
  • 13ª salário;
  • Horário flexível;
  • Curso de Línguas;
  • Bolsa de estudos;
  • Bicicletário;
  • Academia e Práticas Esportivas.

As inscrições são feitas no site da 99Jobs.

Banco Pan também tem vagas

Banco Pan também conta com vagas disponíveis. Ao todo são 12 cargos abertos.

As cargos são os seguintes:

  • Consultor Comercial;
  • Operador de Financiamento Veículos;
  • Programa de Estágio de Tecnologia 2021;
  • Consultor Comercial;
  • Operador de Financiamento Veículos;
  • Operador de Veículos.

Confira os benefícios para os contratados:

  • Plano Médico
  • Plano Odontológico;
  • Auxílio Academia;
  • Auxílio Creche;
  • Auxílio Desenvolvimento;
  • Desconto em Produtos;
  • Ginástica Laboral;
  • Participação nos Lucros e Resultados;
  • Vale-Alimentação;
  • Programa de Remuneração Variável;
  • Programa de Treinamentos;
  • Seguro de Vida.

Se interessou por alguma das vagas? Acesse o site de inscrição e cadastrar currículo atualizado.

E por falar em currículo…

É fundamental contar com um bom currículo na hora da seleção. É ele quem, em um primeiro momento, irá te diferenciar dos demais candidatos.

Veja abaixo dicas de quais informações não esquecer para chamar a atenção dos recrutadores:

Dados Pessoais: nome completo, idade e estado civil devem aparecer logo no início do documento. É fundamental incluir também telefone e e-mail para que a empresa possa contatá-lo facilmente.

Objetivo: seu objetivo profissional deve ser descrito em apenas uma linha, abordando somente o cargo e a área de interesse. Evite indicar mais de uma área em um mesmo currículo.

Formação acadêmica: coloque o nome da instituição de ensino, nome do curso, data de início e término que frequentou, apresentando-os por ordem de importância (pós-graduação, graduação etc.). Cursos técnicos só devem ser citados se tiverem relação com a área pretendida ou se você não possuir curso de graduação.

Experiência profissional: mencione nome da empresa, cargo, período de atuação e suas atribuições de forma sucinta. Mas esteja atento para a descrição das atividades desenvolvidas, pois é através deste item que o selecionador conhecerá o seu potencial. Coloque-as, se possível, em forma de itens para facilitar a avaliação.

Idiomas: cite apenas o idioma e o nível de conhecimento que possui. Se você estiver estudando algum, deixe isso claro no currículo. Lembre-se que se for necessário para o cargo, você será testado e deverá comprovar o nível declarado.

Informática: coloque o nível real de seu conhecimento técnico das ferramentas de informática e internet. Seja sincero, pois quando as vagas necessitam de algum programa específico, testes podem ser aplicados.

Cursos: cite apenas os cursos relacionados à área de interesse. Coloque o tema e o nome das instituições onde foram realizados.

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It
Agência Brasil

O Brasil poderá ter uma moeda digital emitida pelo Banco Central (BC), como uma extensão da moeda física. O BC anunciou, hoje (24), em Brasília, as diretrizes para a criação da moeda no país.

 bancocentral250521

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Em nota, a instituição disse que “tem promovido discussões internas e com seus pares internacionais visando ao eventual desenvolvimento” da moeda. Segundo o BC, a moeda deve “acompanhar o dinamismo da evolução tecnológica da economia brasileira”.

O coordenador dos trabalhos sobre a moeda digital do Banco Central, Fabio Araujo, explicou a moeda digital será diferente das criptomoedas. “Os criptoativos, como o Bitcoin, não detém as características de uma moeda mas sim de um ativo. A opinião do Banco Central sobre criptoativos continua a mesma: esses são ativos arriscados, não regulados pelo Banco Central, e devem ser tratados com cautela pelo público”, disse.

Ele acrescentou que a moeda será garantida pelo Banco Central e a instituição financeira vai apenas guardar o dinheiro para o cliente que optar pela nova modalidade.

Diretrizes

Entre as diretrizes estão a ênfase na possibilidade de desenvolvimento de modelos inovadores a partir de evoluções tecnológicas, como contratos inteligentes (smart contracts), internet das coisas (IoT) e dinheiro programável; a previsão de uso em pagamentos de varejo; e a capacidade para realizar operações online e eventualmente operações offline.

A distribuição ao público será intermediada por custodiantes do Sistema Financeiro Nacional (SFN) e do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB), sem remuneração às instituições financeira pelo BC.

Também deverá ser garantida a “segurança jurídica em suas operações” e a “aderência a todos os princípios e regras de privacidade e segurança determinados, em especial, pela Lei Complementar nº 105, de 2001 (sigilo bancário), e pela Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais”.

De acordo com o Banco Central, a tecnologia de criação da moeda deve “seguir as recomendações internacionais e normas legais sobre prevenção à lavagem de dinheiro, ao financiamento do terrorismo e ao financiamento da proliferação de armas de destruição em massa, inclusive em cumprimento a ordens judiciais para rastrear operações ilícitas”. A moeda também deve permitir pagamentos em outros países.

Cronograma

Na nota, o BC diz ainda que é preciso aprofundar a discussão com o setor privado antes de definir um cronograma de implementação da moeda. “O diálogo com a sociedade permitirá uma análise mais detalhada não apenas de casos de usos que possam se beneficiar da emissão de uma CBDC [sigla em inglês referente a Central Bank Digital Currencies, moedas digitais emitidas pelos bancos centrais], como também das tecnologias mais adequadas para sua implementação”.

Segundo Araujo, a expectativa é que sejam reunidas as condições necessárias para que a implementação da moeda em “dois ou três anos”. “As condições são a tecnologia e segurança que atendam às diretrizes que foram determinadas hoje pelo Banco Central”, disse.

 

 

 

 

FONTE: https://www.metroworldnews.com.br/foco/2021/05/24/brasil-devera-ter-moeda-digital-emitida-pelo-banco-central.html

Escrever um comentário (0 Comentários)

DO SEU INTERESSE

Curiosidades

INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Recente no Site

Metro World News Há oportunidades para enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, entre outros /...
Isadora Teixeira A Coalizão Negra por Direitos disse que ingressou com ação civil pública contra a...
Por G1 Piracicaba e Região A imunização deve ser agendada pelo site da prefeitura; confira todos...

Notícias Nacionais

Parceiros & Apoiadores

Notícias Gastronomia

Metro World News Confira uma receita prática e deliciosa de churrasco com acém e setinho fazer em casa facilmente. Uma versão um pouco mais econômica para o fim de semana. / Reprodução - YouTube...

Marina Estevão - Revista Seleções Bombom já é uma sobremesa deliciosa... Agora, imagina um bombom de leite Ninho caseiro e superfácil de fazer? © pamela_d_mcadams/iStock Bombom de leite Ninho:...

Pedro Marques Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça © Fornecido por Revista Menu Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça -  Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça / Foto:...

Metro World News Confira uma receita prática e deliciosa de pudim de pão simples para fazer em casa facilmente. Uma preparação especial. / Reprodução - YouTube Receitas de Pai {loadposition...

RELIGIÃO

Fernando Rossit O fenômeno se traduz por uma estranha impressão de já ter vivenciado a cena presente e mesmo saber o que se vai passar em seguida, ainda que a situação que esteja a ser vivida seja inédita. Conhecido como déjà vu, ou paramnesia...

Helio & Deise Peixoto “…não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas.” 2 Coríntios 4:18 {loadposition apoiador-estilo-vida} Mesmo sendo...

Frei Luiz Iakovacz Nas celebrações dominicais, leem-se três leituras bíblicas, das quais a primeira é sempre extraída do AT. No Tempo Pascal, porém, tanto nos dias de semana como nos domingos, proclama-se Atos dos Apóstolos. Com isso, a Igreja...

ESTILO DE VIDA

Divulgação

Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account