fbpx

Compartilhe
Pin It
Por Camila

Para colar EVA da maneira correta é preciso estar atenta ao tipo de material que será fixado no EVA. Ou seja, não adianta querer usar a mesma cola para colar tecido, EVA no EVA ou isopor no EVA, por exemplo. Pensando nisso, eu trouxe algumas dicas e experiências pessoais para ajudar você a pôr a mão na massa de uma maneira mais otimizada, permitindo bons resultados nas suas artes, sem ter que gastar muito por isso.

Ficou curiosa? Então acompanhe o passo a passo completo e saiba como colar EVA da melhor maneira, garantindo um acabamento impecável e muito resistente. Vamos lá!

colar eva130521

Passo a passo de como colar EVA

Como eu mencionei logo acima, é preciso saber qual a finalidade do seu artesanato para escolher bem a sua cola. Cada combinação de materiais irá requerer uma diferente, para gerar mais praticidade, resistência e durabilidade. Com isso em mente, separei as melhores colas, de acordo com o tipo de trabalho que você deseja fazer. Veja:

  • Colar EVA no EVA

Nesse caso, eu sugiro que você vá à papelaria e peça ou pela cola de EVA, específica, ou pela cola instantânea. Ambas serão rápidas, secarão logo e darão uma maior firmeza no seu acabamento. Entretanto, cuidado para não derrubar na mão e deixar a cola secar ali, pois pode ser um pouco desconfortável tirar, ok?

  • Colar tecido no EVA, e vice-versa

Aqui, você pode fazer a sua cola de artesanato caseira para colar o tecido diretamente no EVA. Para isso, basta aplicar uma camada abundante de cola sobre o EVA e esticar bem o tecido em cima. Vale prender as pontinhas com grampo de roupa, cuidando para não marcar o material. Depois, deixe secar bem (pode levar algumas horas) e pronto.

  • Colar placa de isopor no EVA, ou vice-versa

Nesse caso, o ideal é que você use a sua pistola de cola quente para grudar uma coisa na outra. Entretanto, não aplique a cola no isopor, pois isso poderia fazer com que ele derretesse. Além disso, espere alguns segundos antes de fixar o isopor na cola derretida, para impedir que o calor excessivo acabe desmanchando a peça de isopor. Depois, segure por alguns segundos e, assim que a cola esfriar, tudo estará pronto.

  • Colar apliques e enfeites diversos no EVA

Para não manchar os apliques e os enfeites, é preciso usar uma cola que, ao secar, fique transparente. Para isso, é necessário você apostar na cola de silicone, pois quando ela seca, ela fica “invisível” e não promove manchas nos apliques que são de tecido, por exemplo, deixando tudo bonitinho e muito bem acabado.

Na dúvida, faça testes antes de colar EVA

Se você não tem as colas que eu citei acima, não se desespere! Faça pequenos testes com o que você tem em casa e veja como o EVA reage ao produto. Assim você poderá encontrar novas possibilidades de colar o material e, dessa forma, poderá nos ajudar comentando aqui abaixo. Aguardamos a sua participação!

 

 

 

 

FONTE: https://casaeartesanato.com/como-colar-eva-passo-a-passo/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It
Por Camila

graminha para gato com milho de pipoca é super fácil de fazer e você nem precisará de muita coisa para já criar um lanchinho saudável e nutritivo para o seu pet. Na verdade, você só precisará de milho, terra adubada, vasinho e água! O resto é super simples de pôr em prática, e eu vou lhe ajudar com todo o passo a passo, está bem? Para isso, acompanhe esse texto até o final!

gato030521

Passo a passo para fazer a graminha para gato com milho de pipoca

Como mencionei acima, você só precisa de 1 vasinho, um pouco de terra adubada e milho de pipoca, desses que compramos no mercado mesmo, mas não pode ser pipoca de microondas, ok? Com os materiais em mãos, vamos começar a preparar a nossa graminha. Para isso, você deve:

1- Encher o vasinho com a terra adubada

Deixe apenas cerca de 2 centímetros da terra até a borda do vasinho, em cima, para ter espaço para plantar e cobrir com mais terra depois. Além disso, deixe a terra um pouquinho solta, mas nem tanto, pois a água poderá fazer com que ela “desça” muito depois.

2- Coloque os milhos, um do lado do outro

Eu gosto de colocar um do lado do outro pois o plantio fica ainda melhor, considerando que você deixará um espacinho entre um milho e outro, melhorando o espaçamento da graminha. Tenha o cuidado de não deixar nenhuma semente sobre a outra, pois pode atrapalhar o crescimento, ok?

3- Cubra com um centímetro de terra

Depois é só você cobrir com mais um centímetro de terra adubada, sem apertar sobre as sementes, é claro. É importante não deixar nenhuma sementinha descoberta, pois a raiz exposta poderá atrapalhar o desenvolvimento da sua graminha, deixando-a mais fácil de ser arrancada.


Graminha para gato com milho de pipoca.

4- Molhe a semente com cuidado

Depois de plantar as sementes de milho, é preciso molhar a terra para a graminha para gato crescer saudável e forte. Você não precisa encharcar a terra, mas também é importante não deixá-la secar muito, ok?

5- Guarde em um local onde o seu gatinho não ache a graminha até ela crescer

Mesmo quando ainda não cresceu, esconda a graminha do gato pois, caso contrário, ele irá mexer na terra, tentar comer o que está bem pequeno e pode destruir tudo, viu? Por isso, deixe em um ambiente que ele não tenha acesso, até a graminha crescer.

A graminha para gato com milho de pipoca demora cerca de 8 dias para ficar em um tamanho considerável e apetitoso para o pet. Portanto, mantenha vários vasinhos revezando o momento da comidinha do gato. Você pode, dessa forma, deixar sempre um vasinho do lado dos potinhos de ração e água. O seu gatinho irá amar o mimo saudável e saboroso!

 

 

 

 

FONTE: https://casaeartesanato.com/graminha-para-gato-com-milho-de-pipoca/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It
Camila

Consertar um zíper pode parecer uma verdadeira dor de cabeça, especialmente se você estiver com pressa. Afinal, que atire a primeira pedra quem nunca se incomodou com um zíper que não fica fechado, ou que não fecha por nada nesse mundo! Eu mesma já passei por isso e sei o quanto é irritante.

costureira030521

No entanto, existem algumas estratégias que podem lhe ajudar a arrumar rapidinho esse problema, consertando o seu zíper e permitindo que ele fique novinho em folha. Quer conhecer as dicas? Então continue lendo o conteúdo que eu te ensino tudo, nos mínimos detalhes!

Como consertar zíper que não fica fechado

Se o zíper não fica fechado, você pode usar uma argolinha de chaveiro para solucionar o problema. Basta você passar a argolinha no puxador do zíper e prendê-la no botão da sua calça, antes de fechá-la. O botão servirá de base para manter a argolinha presa e, consequentemente, o zíper fechado. Simples e rápido!

Como consertar zíper que trava

Se o zíper estiver travando, é muito simples de consertar. Você precisará, de fato, lubrificar a corrente e os “dentinhos” do zíper, a fim de fazer com que o fecho deslize com mais facilidade e agilidade. Para isso, use um sabão de coco em barra para esfregar diretamente no trilho do zíper, deixando-o bem lisinho e lubrificado. Vale, inclusive, usar uma vela para esfregar e causar o mesmo efeito.

Entretanto, cuidado para não deixar pedacinhos de vela ou sabão no meio do caminho, hein? Isso pode piorar o quadro, ao invés de ajudar.

Se o zíper sair do trilho e soltar de um dos lados

Caso o zíper saia do trilho, o conserto pode ser um pouquinho mais detalhista e trabalhoso, embora não seja impossível. Com um passo a passo você já poderá recuperar a peça da melhor forma. Veja como:

  1. Posicione o cursor para cima e abra o zíper até a parte mais baixa que você conseguir. Use uma tesoura para remover os cinco primeiros dentes na base do zíper, para assim criar um novo início. Em seguida, desça o cursor até a parte que você tirou os dentes do zíper, enfiando o cursor na base dessa faixa, ou seja, encaixando a parte sem dentes dentro do cursor, ao passo de que ele está na mesma altura do lado oposto (o lado que tem dentes).
  2. Acerte a altura dos dentes do zíper, voltando o cursor e fechando-o até em cima, fazendo com que os dentes de cima, de ambos os lados, fiquem na mesma posição quando fechados.
  3. Faça um ponto que una a parte sem dentes com a com dentes, a fim de “fechar” aquela parte e criar a base do seu zíper.
  4. Pronto! Você já poderá abrir e fechar normalmente.

Como consertar zíper que não fecha?

No caso de zíper que não fecha, é só usar um alicate pequeno para prendê-lo novamente! Veja como:

 Simples, não é mesmo? Deixa aqui nos comentários o que você achou das dicas!

 

 

 

 

FONTE: https://casaeartesanato.com/como-consertar-ziper/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It

camila

Os moldes de páscoa para EVA e feltro são ótimos aliados no processo de decoração. Afinal, sabemos que não é tão simples assim desenhar um coelhinho à mão e depois recortá-lo diretamente no EVA, não é mesmo? Mas sim, é preciso ter um desenho alinhado, simétrico e bem feito para o resultado ficar mais positivo e interessante. Sendo assim, eu trouxe hoje diversas dicas e moldes para você usar e decorar a sua casa. Acompanhe!

molde eva300321

Moldes de páscoa para EVA e Feltro

Os moldes de páscoa são lindos, práticos e super fáceis de usar. Abaixo você encontra uma grande variedade para deixar a sua páscoa ainda mais linda e incrível. Depois, poderá ver um passo a passo completo de como usar os moldes. Continue lendo!

Muitos coelhinhos lindos para você usar, não é mesmo? Mas, como usar esses moldes? Veja a seguir!

Como usar os seus moldes de páscoa?

Para você usar os seus moldes de páscoa não tem muito segredo. Basicamente você os imprime e usa sobre o feltro ou EVA. Entretanto, algumas dicas poderão tornar o seu molde mais resistente, além de criar peças nos tamanhos que você desejar. Veja abaixo:

Salve a imagem em seu computador

Primeiramente, você deverá escolher o molde que deseja imprimir. Depois de escolhê-lo, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e em seguida em “salvar imagem como”. Salve em alguma pasta do seu computador que você possa acessar facilmente depois.

Imprima no tamanho que desejar

Assim que salvar o seu molde de páscoa, é hora de imprimi-lo. Aqui, você poderá clicar em imprimir e já mandar para a sua impressora ou, caso não tenha impressora em casa, envie por e-mail para alguma gráfica em sua cidade.

Lembre-se que o tamanho é variável, e você pode solicitar o que achar mais adequado na hora de imprimir. Por exemplo, porque requerer que a gráfica imprima em um tamanho A4 ou apenas um pequeno coelhinho. Decida isso antes de mandar o seu pedido ou antes de imprimir em casa, ok?

Cole em um papel mais durinho

Depois que você tiver o seu molde de feltro impresso, é hora de deixá-lo mais utilizável. Para isso, você pode colar o mesmo em um papelão ou material mais durinho, como o papel cartão ou o papel Paraná. Assim, você poderá finalizar com uma camada de papel contact, para deixar o seu molde ainda mais resistente e perfeito.

Use para demarcar o tecido/feltro/EVA

Por fim, com o seu molde em mãos, você já poderá utilizá-lo no passo a passo do seu artesanato. Para isso, coloque-o de maneira firme sobre a peça que você quer recortar e utilize uma caneta/lápis ou giz para fazer a marcação. Depois é só recortar com uma boa tesoura e pronto! Terá aproveitado o seu molde da melhor maneira.

 

 

 

 

FONTE: https://casaeartesanato.com/moldes-de-pascoa-para-eva-e-feltro/

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It

Camila 

A técnica de cartonagem é muito utilizada para produzir caixas, embalagens e diversos tipos de bolsas, carteiras e pastas. Tudo isso graças a facilidade de usar os materiais em diversos contextos, tendo em vista que praticamente não há limite para pôr a mão na massa e criar algo interessante.

Entretanto, se você quer conhecer um pouco mais sobre a técnica, acompanhe o meu artigo de hoje que eu vou lhe explicar tudo sobre o assunto!

cartonagem200321

O que é cartonagem?

A técnica de cartonagem nada mais é do que a possibilidade de usar papelão na estruturação de peças que serão forradas com tecido e transformadas em bolsas, cadernos com tecido, carteiras, estojos, dentre outras possibilidades. Essa técnica costuma criar um leque de possibilidades para você fazer diversas peças de artesanato e assim ganhar uma renda extra muito interessante.

Quais são os materiais essenciais para fazer cartonagem?

Os materiais essenciais são: base de corte; papelão; cola branca e tecidos de algodão. São estes os materiais essenciais para você conseguir pôr a mão na massa e já começar a desenvolver este tipo de artesanato. Entretanto, existem os complementos que pouco a pouco poderão ser adquiridos. Abaixo destaco cada um deles:

Ferramentas

  • Base de corte;
  • Estiletes;
  • Réguas;
  • Lápis;
  • Gabarito;
  • Cantoneira;
  • Espátula;
  • Tesoura;
  • Fita métrica;
  • Furão.

Materiais extras:

  • Puxadores;
  • Alças de couro;
  • Botões de pressão;
  • Elásticos;
  • Fitas;
  • Rendas;
  • Bailarinas.

Lembre-se que conforme você for pegando experiência, as peças poderão ter mais detalhes, frufrus e enfeites que as deixem ainda mais completas. No começo, o ideal é que você faça peças mais simples, como uma carteira de mão. Assim você consegue ir aperfeiçoando o seu corte e colagem, criando peças cada vez mais lindas.

Passo a passo em vídeo

Veja um passo a passo super lindo que eu trouxe para você já começar a desenvolver as suas habilidades com cartonagem e assim lucrar com o seu artesanato! Veja abaixo:

Fotos para te inspirar!

Agora que você já sabe tudo sobre cartonagem, tenho certeza que está com muita vontade de pôr a mão na massa e começar logo o seu negócio com artesanato, não é mesmo? Para isso, no entanto, eu também trouxe diversas inspirações para que você possa conhecer o trabalho de mulheres experientes que, assim como você, começaram sem tanta ideia para a cartonagem. Afinal, todas nós começamos algum dia, não é mesmo?

Por isso, aposte nas ideias abaixo para ter inspirações lindas e logo começar as suas produções:

Deixe seu comentário, é importante acompanhar os feedbacks.

 

 

 

 

FONTE: https://casaeartesanato.com/cartonagem/

 

Escrever um comentário (0 Comentários)
Compartilhe
Pin It

Não há quem resista a fotografias! Afinal, elas registram os bons momentos que ficaram na lembrança. Por isso, hoje vamos te ensinar como fazer um mural de fotos para que você possa enfeitar a sua casa com estilo, fugindo dos convencionais porta-retratos.

Essa é uma forma de dar um toque diferenciado e personalizado no lar e ainda deixar a mostra os melhores momentos da vida. Além de um passo a passo super simples, reunimos vários modelos de murais de fotos e recados para te inspirar. Confira!

Como fazer um mural de fotos suspenso

Hoje nós vamos te ensinar a fazer um mural de fotos que fica suspenso na sua parede. O visual é lindo!

Para começar, você vai precisar dos seguintes materiais:

  • Barbante
  • Fita adesiva transparente
  • Cano de PVC ou cabo de vassoura que você não usa mais
  • Cartolina
  • Estilete
  • Fotos

Agora vamos aprender a fazer esse mural incrível.

1. O primeiro passo é selecionar as fotos que você mais gosta. Disponha em uma mesa todas as escolhidas em três colunas para que a sequência fique a seu gosto.

como fazer um mural de fotos

2. Faça 3 triângulos com a cartolina e os posicione com a ponta para baixo.

3. Com o estilete ou um furador de papel, faça um furo no meio da base de cada um dos triângulos.

4. Agora, pegue apenas um dos triângulos, passe o barbante pelo furo e faça um nó para prendê-lo. Não separe a linha do restante do rolo!

5. Você vai esticar o barbante até obter o cumprimento necessário para colar as fotos da primeira coluna. Cole cada foto no barbante com a fita adesiva deixando um espaço entre elas.

6. Agora, com o barbante que está sendo utilizado ainda no rolo, dê uma volta ao redor de uma das pontas do cano de PVC ou do varão de cortina.

7. Deixe uma sobra de barbante, que servirá para pendurar o mural na parede, e desça-o passando para a outra extremidade do cano de PVC/varão de cortina. Repita a volta com o barbante no cano e faça novamente a colagem de fotos da outra coluna.

como fazer um mural de fotos

8. Ao final da colagem dessa coluna, amarre o outro triângulo na ponta.

Dica: você pode fazer esse detalhe de qualquer outra forma: corações, flores, estrelas, etc. Fica à seu critério!

9. Agora você pode separar o barbante do rolo.

10. É hora de fazer a última coluna: a do meio. Corte um pedaço de barbante que seja suficiente para colar o restante das fotos e o amarre no cano/varão.

11. Cole as fotos com a fita adesiva e amarre o último triângulo na ponta.

12. Pronto, você já tem um mural, que pode ser pendurado na parede com um prego ou um gancho decorativo.

Veja só como ele fica lindo!

como fazer um mural de fotos

Imagens e passo a passo: Revista Zap Imoveis

Agora veja outras ideias de murais de fotos e recados que separamos para você.

1. Mural com pranchetas

Você pode utilizar as pranchetas que tem em casa para fazer um mural bem estiloso. Vale tanto para foto quanto para recados.

como fazer um mural de fotos

Fonte: tuacasa

2. Mural magnético com recortes

É possível personalizar o mural de recortes com fotos, desenhos e frases inspiradoras. Esse estilo fica lindo no quarto das crianças ou adolescentes.

como fazer um mural de fotos

Fonte: tuacasa

3. Varal de fotos

Já pensou em utilizar um varal para pendurar fotos?! É possível e o resultado é muito legal!

Você pode prender um barbante e pendurar as fotos com fitas coloridas ou mini pregadores.

como fazer um mural de fotos

Fonte: tuacasa

4. Um calendário de fotos

Que tal deixar registrado um momento por mês?

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

5. Mural de grade

Aproveite uma grade que não está sendo mais utilizada para fazer um mural de fotos e recados personalizado. Você ainda pode colocar luzes para dar um efeito ainda mais especial.

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

6. Mural em forma de palavra

Uma outra forma de expor as suas fotos é criando letras e palavras com elas. Lindo, não é?

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

7. Foto-imã

Com uma manta magnética adesiva, você pode colar as suas fotos em qualquer lugar da casa: geladeira, armários, azulejos.

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

8. Mural com molduras

Uma forma de fazer um mural de fotos chique é emoldurar cada foto e colocá-las juntas em uma parede.

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

9. Mural com moldura de fitas

Uma outra opção de fazer molduras é usando fitas coloridas ao redor das fotos.

como fazer um mural de fotos

Fonte: tuacasa

10. Mural com tampas de caixa de sapato

E ainda há a opção de colar as fotos em quadros. Você pode fazer um lindo jogo usando as tampas das caixas de sapato que já tem aí. É só revestir as laterais com papel, adesivo ou tecido e colar as fotos com cola branca.

Veja o passo a passo e aprenda como fazer os quadrinhos aqui.

como fazer um mural de fotos

Fonte: decorfacil

11. Mural com barbante

Além do modelo que nós ensinamos, existem outras formas de usar o barbante no seu mural. Veja o passo a passo completo aqui.

como fazer um mural de fotos

E aí, o que você achou? Agora que já sabe como fazer um mural de fotos, é hora de escolher um desses modelos e colocar a mão na massa. Bom trabalho!

 

 

FONTE: https://www.artesanato.com/blog/como-fazer-um-mural-de-foto/

 

Escrever um comentário (0 Comentários)

DO SEU INTERESSE

Curiosidades

INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Recente no Site

Metro World News Há oportunidades para enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, entre outros /...
Isadora Teixeira A Coalizão Negra por Direitos disse que ingressou com ação civil pública contra a...
Por G1 Piracicaba e Região A imunização deve ser agendada pelo site da prefeitura; confira todos...

Notícias Nacionais

Parceiros & Apoiadores

Notícias Gastronomia

Metro World News Confira uma receita prática e deliciosa de churrasco com acém e setinho fazer em casa facilmente. Uma versão um pouco mais econômica para o fim de semana. / Reprodução - YouTube...

Marina Estevão - Revista Seleções Bombom já é uma sobremesa deliciosa... Agora, imagina um bombom de leite Ninho caseiro e superfácil de fazer? © pamela_d_mcadams/iStock Bombom de leite Ninho:...

Pedro Marques Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça © Fornecido por Revista Menu Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça -  Paçoca do Beco, por Academia da Cachaça / Foto:...

Metro World News Confira uma receita prática e deliciosa de pudim de pão simples para fazer em casa facilmente. Uma preparação especial. / Reprodução - YouTube Receitas de Pai {loadposition...

RELIGIÃO

Fernando Rossit O fenômeno se traduz por uma estranha impressão de já ter vivenciado a cena presente e mesmo saber o que se vai passar em seguida, ainda que a situação que esteja a ser vivida seja inédita. Conhecido como déjà vu, ou paramnesia...

Helio & Deise Peixoto “…não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas.” 2 Coríntios 4:18 {loadposition apoiador-estilo-vida} Mesmo sendo...

Frei Luiz Iakovacz Nas celebrações dominicais, leem-se três leituras bíblicas, das quais a primeira é sempre extraída do AT. No Tempo Pascal, porém, tanto nos dias de semana como nos domingos, proclama-se Atos dos Apóstolos. Com isso, a Igreja...

ESTILO DE VIDA

Divulgação

Don't have an account yet? Register Now!

Sign in to your account